MATÉRIAS

SEMAMA – Mamoplastia de aumento

Por: | Tags: | Comentários: 0 | agosto 18th, 2017

O que é?

A mamoplastia de aumento é a cirurgia para aumento das mamas, em que são utilizados implantes para dar volume aos seios, ou restaurar o volume mamário perdido devido a perda de peso ou gravidez.

O que a aumento da mama pode fazer?

Com essa cirurgia, aumenta-se o tamanho e projeção dos seios, melhorando o equilíbrio do corpo. Além disso, a autoestima e autoconfiança também melhoram.

O aumento também pode ser feito para reconstruir a mama após a mastectomia ou lesão.

O que não acontecerá

A mamoplastia de aumento não corrige seios severamente caídos. Caso você deseje um resultado que corrija a flacidez, o procedimento de elevação da mama pode ser realizado ao mesmo tempo do aumento de mama ou, então, pode ser necessária uma segunda cirurgia. Seu cirurgião plástico irá ajudá-la a tomar esta decisão.

É certo para mim?

A mamoplastia de aumento é um procedimento individualizado e você deve fazê-lo para si mesma, não para satisfazer a vontade de alguém ou para se adaptar a qualquer tipo de imagem ideal.

O aumento de mama pode ser uma boa opção para você se:

  • Você estiver fisicamente saudável,
  • Você tiver expectativas realistas,
  • Seus seios estiverem totalmente desenvolvidos,
  • Você estiver incomodada com a sensação de que seus seios são muito pequenos,
  • Você estiver insatisfeita com seus seios devido à perda de forma e de volume após a gravidez, à perda de peso ou ao envelhecimento,
  • Seus seios diferirem em tamanho ou forma,
  • Uma ou ambas as mamas não se desenvolveram normalmente.

Preparando-se para a cirurgia de aumento de mama

  • Previamente à cirurgia, pode ser necessário:
  • Fazer exames laboratoriais ou avaliação médica,
  • Tomar certos medicamentos ou ajustar seus medicamentos atuais,
  • Fazer uma mamografia antes da cirurgia e outra após a cirurgia para ajudar a detectar quaisquer mudanças futuras no tecido mamário,
  • Parar de fumar com bastante antecedência à cirurgia,
  • Evitar tomar aspirina, antiinflamatórios e medicamentos naturais, pois podem aumentar o sangramento.

Riscos e informações de segurança

O sucesso e a segurança do procedimento dependem muito de sua sinceridade durante a consulta. Seja participativo, procure esclarecer dúvidas sobre o procedimento. Você será questionado sobre sua saúde, desejos e estilo de vida.

O cirurgião também poderá:

  • Avaliar seu estado geral de saúde e todas as condições pré-existentes de saúde ou fatores de risco,
  • Examinar seus seios, tirar medidas detalhadas de tamanho e forma, verificar a qualidade da pele e posição dos mamilos,
  • Fotografar para prontuário médico,
  • Discutir as opções e recomendar o tratamento mais adequado,
  • Discutir prováveis resultados da cirurgia e quaisquer riscos ou complicações potenciais,
  • Discutir o tipo de anestesia a ser utilizada durante o procedimento de aumento dos seios.
  • Riscos e complicações

A decisão de se submeter à cirurgia de aumento de mama é pessoal e é você quem deve decidir se os benefícios estarão de acordo com seus objetivos e se os riscos e possíveis complicações são aceitáveis.

Seu cirurgião plástico e/ou equipe irão lhe explicar, em detalhes, os riscos associados à cirurgia. Você deverá assinar o termo de consentimento para assegurar que compreendeu plenamente o procedimento ao qual irá se submeter e quaisquer riscos ou complicações potenciais.

Possíveis riscos da cirurgia

  • Cicatrizes desfavoráveis,
  • Sangramento (hematoma),
  • Infecção,
  • Má cicatrização das incisões,
  • Alterações de sensibilidade da mama ou do mamilo, de forma temporária ou permanente,
  • Contratura capsular, que é a formação de tecido cicatricial rígido em torno do implante,
  • Ruptura do implante,
  • Enrugamento da pele sobre o implante,
  • Riscos anestésicos,
  • Acúmulo de líquido (seroma),
  • Dor, que pode perdurar,
  • Trombose venosa profunda, complicações cardíacas e pulmonares,
  • Possibilidade de novo procedimento cirúrgico.

Embora possa haver complicações relacionadas aos implantes mamários, os mesmos não são prejudiciais à saúde da mama. Pesquisas científicas realizadas por grupos independentes não relataram nenhuma relação comprovada entre implantes mamários e doenças autoimunes ou sistêmicas.

Recuperação pós-operatória

Muitos pacientes têm dúvida sobre aumento de mama e o período de recuperação. Embora diversos fatores estejam envolvidos, o período de recuperação pós-cirúrgica geralmente é de 24 a 48 horas, seguido de um período de repouso de alguns dias. Provavelmente, você irá sentir dor e inchaço por algumas semanas. Exercício físico e atividades normais serão liberados seguindo orientação de seu cirurgião plástico.

Perguntas a fazer ao cirurgião

  • Você é especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica?
  • Você foi treinado especificamente no campo da cirurgia plástica?
  • Quantos anos de treinamento em cirurgia plástica você teve?
  • A instalação da sala de procedimento de seu consultório é autorizada pela Vigilância Sanitária de sua cidade?
  • Sou um bom candidato a este procedimento?
  • O que se espera de mim para que os melhores resultados sejam obtidos?
  • Onde e como será realizado o procedimento?
  • Qual a forma, o tamanho e a textura da superfície? Qual local de incisão e de colocação é recomendado para mim?
  • Quanto tempo de recuperação posso esperar e que tipo de ajuda vou precisar durante minha recuperação?
  • Quais são os riscos e complicações associados ao meu procedimento?
  • Como são tratadas as complicações?
  • A amamentação será prejudicada?
  • Qual será a evolução da cirurgia com o passar do tempo? Após a gravidez? Após a amamentação?
  • Qual será a aparência de meus seios se, futuramente, optar pela remoção/troca dos implantes?

FONTE: Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (http://www.cirurgiaplastica.org.br)

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: